Quem não quer que a bateria do seu Windows Phone dure mais? Os mAh são responsáveis por nos dar uma estimativa média de duração de bateria mas o uso e as configurações utilizadas também influencia muito na duração da bateria. Visando auxiliar o usuário, a Microsoft tem dicas que permitem um melhor gerenciamento e consequentemente, maior duração da bateria do seu Windows Phone.

windows-phone-bttery-tips-02

A primeira dica da Microsoft é: use a Economia de Bateria, já que ela permite que diversos recursos em tese ”não essenciais” sejam desligados, aumentando a vida útil da bateria. Para tal, basta deixar a opção acima citada ativada no seu celular, escolhendo a opção que você preferir entre as três disponíveis como “Quando a bateria estiver fraca”, “Agora até a próxima carga” ou “Sempre”. Notando que se deixar a opção ”SEMPRE” ativada, muitos aplicativos não receberão notificações! Você também pode ir em Economia de Bateria e em “Uso em segundo plano” e definir o que você deseja que opere ou não em segundo plano. Quantos mais aplicativos estiverem rodando em segundo plano, menos sua bateria irá durar. Então aqui cabe o bom senso para deixar habilitado o que você mais precisa.

Outras dicas também são válidas como:

  • Reduzir o tempo de desativação da tela: quanto mais curto o período para apagamento da tela, mais bateria você irá economizar;
  • Reduzir o brilho da tela: saia da opção de brilho automático e use as opções de brilho baixo, médio ou alto;
  • Usar tela de fundo escura;
  • Desativar a tela durante as chamadas quando estiver usando o viva-voz ou o Bluetooth: para tal basta bloquear a tela usando o botão de energia;
  • Desativar o visor da câmera após tirar uma foto, utilizando o botão voltar ou o botão de energia;
  • Sincronizar emails com menos frequência, escolhendo um intervalo mais longo de sincronização de email;
  • Definir contatos específicos a serem sincronizados com o telefone, sincronizando apenas contatos de email e de redes sociais se for necessário, caso contrário, não é obrigatória essa sincronização;
  • Limitar os aplicativos a serem fixados na Tela Inicial bem como quantas Live Tiles ficarão ativas: quanto mais blocos dinâmicos, maior o consumo de bateria;
  • Preferir fones de ouvido à dispositivos Bluetooth para ouvir música ou atender chamadas;
  • Desativar o WIFI, Localização, Dados Móveis e Bluetooth quando não estiverem em uso.

Aí vocês podem questionar: ”pôxa, então não posso ter todo o potencial do meu celular!”. Você pode! Mas tenha consciência que a bateria irá durar menos com tudo ativado. Infelizmente parece que os fabricantes de baterias não puderam ainda criar uma bateria que acompanhe toda a evolução dos telefones. Ou então, quando o fazem, o aparelho é caríssimo. Quais dessas dicas você já segue?

Via: Microsoft