As coisas no setor mobile da Samsung parece não está nada bem após o fiasco do Galaxy Note 7 no mercado, o tão famoso “aparelho explosivo”. Dados apontam que, o lucro operacional da empresa entre julho e setembro de 2016 caiu bastante após o “recall” e suspensão do Note 7, uma queda de 30%.

galaxy-note-7-2

Nesse mesmo período, o lucro da companhia foi de US$ 4,6 bilhões, o nível mais baixo em dois anos. Confirmando sua estratégia após os problemas com o Note 7, a Samsung afirmou:

Vamos expandir as vendas de novos produtos “carro-chefe” … bem como recuperar a confiança dos consumidores

Recuperar a confiança, certamente, vai ser a chave para o sucesso contínuo da Samsung no mercado móvel. Uma analista da “HMC Investment Securities” disse:

A Samsung perdeu a confiança do consumidor, mas acho que ainda tem pelo menos mais uma chance. Em vez de apressar-se para lançar o próximo produto, ela deve realizar uma inspeção completa e explicar os resultados da sua investigação sobre o Note 7

Casos de explosões do aparelho foram noticiados em vários lugares do mundo
Casos de explosões do aparelho foram noticiados em vários lugares do mundo

Avaliando a nota da analista, de fato, explicar o que houve com o Note 7 aos consumidores, será um passo importante para ganhar de volta a confiança, mesmo que a Samsung esteja bastante tranquila sobre a causa das explosões até agora. E até então, a empresa havia afirmado que não sabia o motivo dos problemas relacionados ao modelo.

Agora a empresa está focada no seu próximo grande smartphone, o Galaxy S8, e disposta a fazer de tudo para que erros como esse não mais ocorra, até mesmo comprar baterias da sua rival, a LG.