Ontem, completou exatos sete dias que a Apple anunciou seu novo MacBook Pro. Apresentando um novo hardware, o aparelho possui um display OLED e um touchpad maior, além de ser mais leve e fino.

apple-macbookpro-1

No entanto, o dispositivo tem atraído várias críticas por parte de alguns profissionais, que afirmam ser leais usuários de MacBook Pro. Eles expressaram consternação com a falta de algumas características, que de fato, fazia jus ao nome “Pro”.

De acordo com fontes como Twitter e Reddit, editores de vídeos estão preocupados com o limite de 16GB de RAM do novo Mac, enquanto os fotógrafos têm lamentado a perda do leitor built-in de cartão SD incluído nos modelos anteriores. Os desenvolvedores também reclamam sobre a remoção de uma chave de escape físico, que foi substituído pelo software do teclado OLED.

1478212155_macbookpro2_storyO vice-presidente sênior de Marketing Mundial da Apple, Philip Schiller, reconheceu algumas das atuais críticas em uma entrevista:

Certamente, houve um monte de usuários apaixonados e vários debate sobre o novo MacBook Pro! Muitas coisas no aparelho têm impressionado as pessoas, e em alguns têm causado controvérsias

Espero que todos tenha a chance de experimentá-lo e ver como é grande o MacBook Pro. É realmente um grande passo em frente e um exemplo de o quanto continuamos a investir no Mac. Nós adoramos o Mac e somos comprometidos com ele, em ambos os desktops e notebooks, como nós nunca temos sido

apple-macbookpro-5Depois de afirmar o compromisso com os Macs, Philip revelou que, mesmo diante de várias críticas, o novo MacBook Pro tem sido um sucesso em vendas nos seus primeiros sete dias de vida:

Nós estamos orgulhosos de dizer que até agora a nossa loja online teve mais encomendas para o novo MacBook Pro do que qualquer outro Notebook Pro antes. Então, certamente, há um monte de gente tão animado quanto nós somos sobre isso

O executivo não entrou em detalhes sobre os números de vendas, mas ao que parece, as preocupações de alguns usuários não parecem “travar” as vendas do novo Mac da maça. Essas declarações são algo incomum para a Apple, que na maioria das vezes, prefere não comentar sobre o feedback de seus produtos.

Sendo assim, essa entrevista pode ter sido pré-planejada para, cuidadosamente, abordar as preocupações dos clientes em relação ao produto.